Existe aqueles momentos de desespero em que passado muito tempo em um branch de desenvolvimento e não fora feito nenhum merge com outro branch, como o master por exemplo, sendo assim o master está extremamente atrás do que está em desenvolvimento (vamos chamá-lo de dev).

Eis que surge uma situação em que você fez um hotfix em dev, simples e pequeno e é necessário replicar em outro branch como o master e não pode mesclar todas alterações por questões de liberar a versão.

Então você simplesmente utilizar o comando git cherry-pick e ele faz isso para você. Cherry pick é uma boa ajuda para esse tipo de situação, porém como nem tudo são flores, ao executar o cherry-pick, o seu commit se torna um mesmo commit, porém com o SHA-1 ID

A-------B-------C
\
\
D--------C'

Em que movendo esse commit de um branch para outro acaba gerando um patch, em que ao ser aplicado, pode-se perder o histórico também

O mais indicado é criar branch-hotfix para esse tipo de problema,  pois você garante todo o histórico do repositório, ou mesmo utilizando o cherry-pick em um branch intermediário para copiar esse commit.